Logo Instituto Lado a Lado

Campanhas criadas pelo Instituto Lado a Lado pela Vida:

Logo Ser Homem
Logo Novembro Azul CAMPANHA DO INSTITUTO
LADO A LADO PELA VIDA

Parceiro Institucional
  • Parceiro Institucional
  • Parceiro Institucional
  • Parceiro Institucional
imprensa contato

Câncer de Estômago - Tratamento

Destaque - Legenda estatisticas

Define-se o tratamento de acordo com o estádio em que a doença se apresenta, além da avaliação do estado de saúde do paciente e a localização do tumor. Na fase inicial, geralmente recorre-se a intervenções cirúrgicas. Nesses casos, pode-se realizar uma cirurgia endoscópica (onde retira-se uma parte do estômago) ou cirurgia radical, conhecida também como gastrectomia (partes do esôfago e do intestino podem ser removidas e o cirurgião pode precisa fazer uma reconstrução do trato digestivo para substituir o estômago).

Quando o tumor invade a camada muscular do estômago e/ou compromete linfonodos próximos ao estômago ou órgãos vizinhos, além da cirurgia radical, o tratamento pode incluir quimioterapia (antes para reduzir o tamanho do tumor ou depois da intervenção cirúrgica). Em alguns casos, a radioterapia pode ser um tratamento complementar. Há casos em que a cirurgia é realizada apenas como paliativa, pois o câncer está em estado avançado, mas ainda há hemorragias intensas ou obstrução do órgão causando desconforto para a pessoa.

Os pacientes que possuem tumores muito grandes podem ter a passagem de alimentos interrompida. Nesses casos, é possível introduzir uma prótese (stent) no local ou realizar uma cirurgia com o objetivo de ligar a parte sadia do estômago com o intestino delgado. Há também a possibilidade da colocação de sonda nasoenteral (pelo nariz), sonda colocada no estômago (gastrostomia) ou sonda colocada diretamente no intestino delgado. Tratamento mais comuns:

Ressecção endoscópica da mucosa: tumor é removido com auxílio do endoscópio, aparelho inserido pela garganta até o estômago.

Gastrectomia subtotal: remove apenas uma parte do estômago, com o esôfago e a primeira parte do intestino delgado. Em alguns casos, o baço também é retirado. É utilizado em cânceres que estão na parte superior do estômago.

Gastrectomia total: cirurgia em que o estômago é removido completamente. Outros órgãos próximos, como baço e intestino também podem ser retirados. Geralmente é feita uma incisão no abdome.

Gastrojejustomia: quando o tumor cresce pode obstruir a passagem do alimento do estômago. Nesses casos, pode-se realizar uma cirurgia para prevenir ou tratar essa obstrução.

Ablação tumoral endoscópica: há a opção de inserir um endoscópio no estômago para guiar um feixe de laser para vaporizar partes do tumor. É indicado para parar sangramentos ou aliviar uma obstrução, sem cirurgia.

Terapia-alvo: são medicamentos quimioterápicos direcionados às células cancerígenas.

• • •

Define-se o tratamento de acordo com o estádio em que a doença se apresenta, além da avaliação do estado de saúde do paciente e a localização do tumor

 
ver todas