Depressão pode aumentar consideravelmente o risco de uma pessoa sofrer insuficiência cardíaca
Logo Instituto Lado a Lado

Campanhas criadas pelo Instituto Lado a Lado pela Vida:

Logo Ser Homem
Logo Novembro Azul CAMPANHA DO INSTITUTO
LADO A LADO PELA VIDA

Parceiro Institucional
  • Parceiro Institucional
  • Parceiro Institucional
  • Parceiro Institucional
imprensa contato

Depressão pode aumentar consideravelmente o risco de uma pessoa sofrer insuficiência cardíaca

Estudo revelou que pessoas depressivas têm maior chance de apresentar a doença cardíaca

Destaque - Estudo revelou que pessoas depressivas têm maior chance de apresentar a doença cardíaca

Por Da Redação - Publicado em 13 de julho de 2015

Um estudo feito no Hospital Levanger, na Noruega demonstrou que a depressão pode aumentar em até 40% o risco de uma pessoa sofrer insuficiência cardíaca. A pesquisa revelou ainda que quanto mais grave os sintomas depressivos de uma pessoa, maior a chance de ela apresentar a doença cardíaca.

Os pesquisadores acompanharam, ao longo de onze anos, cerca de 63 mil pessoas e as submeteram a avaliações de saúde física e mental. Durante esse período, foram registrados aproximadamente 1 500 casos de insuficiência cardíaca.

Segundo as conclusões, as pessoas que apresentaram sintomas leves de depressão ao longo da pesquisa tiveram uma chance 5% maior de ter insuficiência cardíaca do que aqueles que não demonstraram sinais depressivos. Já entre os participantes que tiveram sintomas graves da depressão, esse risco foi 40% mais elevado.

• • •

Estudo revelou que pessoas depressivas têm maior chance de apresentar a doença cardíaca